PERCEPÇÃO DE ENFERMEIROS ACERCA DA ASSISTÊNCIA INTEGRAL AO PACIENTE ONCOLÓGICO PEDIÁTRICO DURANTE O TRATAMENTO QUIMIOTERÁPICO.

N/A

  • Ítalo Figueira Andrade Ana Cláudia Araújo Figueira Andrade
Palavras-chave: Assistência integral;, paciente oncológico pediátrico;, percepção de enfermeiros;, tratamento quimioterápico.

Resumo

Introdução: o câncer representa uma doença mortal, mas que entre os pacientes infantis possui uma maior chance de cura, porém para que o tratamento seja eficaz não se pode excluir que ele influirá em momentos difíceis em ambientes que podem se tornar estressantes, dolorosos, mutiladores, invasivos e com duração prolongada. Portanto necessita-se estabelecer boas práticas de cuidado no período de tratamento, sobretudo entre os enfermeiros, profissionais que tem mais proximidade aos pacientes e a família. A partir disso, essa pesquisa buscará identificar na literatura a percepção do profissional de enfermagem frente ao paciente pediátrico com câncer, sobretudo durante o tratamento quimioterápico. Metodologia: Essa pesquisa trata-se de um estudo de levantamento bibliográfico, onde foi feita uma revisão bibliográfica integrativa utilizando a base de dados Google Acadêmico, através dos descritores: Assistência Integral; Paciente Oncológico Pediátrico; Percepção de Enfermeiros; e Tratamento Quimioterápico. Resultados e Discussão: As pesquisas selecionadas, apontam que há lacunas da formação nos Cursos de Graduação em Enfermagem que têm sido grande obstáculo para a atuação dos enfermeiros. Assim como as relações estabelecidas pelo profissional de enfermagem no cuidado à criança com doença oncológica, incluem aqueles com quem convive no cotidiano assistencial: a própria criança, os familiares, a equipe de saúde, etc. Outro ponto, e que os profissionais de enfermagem vivenciam um desgaste emocional em consequência das relações do vínculo estabelecido com a criança e sua família. Também se evidenciou a necessidade de apoio psicológico também aos profissionais de saúde. Conclusão: Assim, é indispensável que a os cuidados paliativos sejam abordados na grade curricular dos cursos de Enfermagem. Além disso, a equipe de enfermagem precisa ter uma boa estrutura de trabalho em geral. Por fim, notou-se a necessidade de mais pesquisas que possam embasar a resolução das necessidades apontadas na pesquisa.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-11-12
Como Citar
Andrade Ítalo. (2021). PERCEPÇÃO DE ENFERMEIROS ACERCA DA ASSISTÊNCIA INTEGRAL AO PACIENTE ONCOLÓGICO PEDIÁTRICO DURANTE O TRATAMENTO QUIMIOTERÁPICO. Revista Interdisciplinar Pensamento Científico, 6(3). Recuperado de http://reinpeconline.com.br/index.php/reinpec/article/view/749
Seção
Articles